Minuto a Minuto

Somalis retidos em Sofala poderao estar ligados ao crime

As autoridades nacionais moçambicanas não descartam motivações criminais na deslocação do grupo de 13 cidadãos de nacionalidade somali que se encontram retidos desde domingo no distrito de Marínguè, em Sofala, centro do país. Os indivíduos em causa foram interpelados pelas autoridades migratórias em Nhamapadza quando seguiam num autocarro de transporte de passageiros, alegadamente, com destino a Maputo, capital moçambicana. Segundo a Rádio Moçambique, o grupo é proveniente do Centro de Refugiados de Maratane, na província nortenha de Nampula, e não terá apresentado motivo claro da sua viagem. O grupo poderá ser devolvido ao Centro de Refugiados de Maratane nos próximos…
Sexta, 10 Agosto 2018 Written by

Temos 222 visitantes e Nenhum membro online

Contacte-nos

Rua da Rádio - 112 - 5º Andar - Caixa Postal 896
+258 21313225/6
+258 21 313196