Moçambique e Hungria reforçam cooperação parlamentar Moçambique e Hungria reforçam cooperação parlamentar

29 Jan 2020
Notice: Undefined property: stdClass::$numOfComments in /home/aimorg/public_html/templates/sj_perty/html/com_k2/templates/default/item.php on line 87
0 comment  
Moçambique e Hungria reforçam cooperação parlamentar

A Presidente da Assembleia da República de Mocambique (PAR), Esperança Laurinda Francisco Nhiuane Bias, manifestou, esta terça-feira, em Maputo, a intenção de ver cada vez mais estreitadas as relações de amizade, solidariedade e cooperação existentes entre as Repúblicas de Moçambique e da Hungria, incluindo a área parlamentar.

Falando, na sede do parlamento, durante uma audiência que concedeu ao Embaixador da República da Hungria em Moçambique, Zsolt Maris, a PAR agradeceu todo o apoio que aquele país da Europa do Leste tem vindo a prestar a Moçambique nos seus vários domínios de desenvolvimento.

A PAR solicitou os bons ofícios do Embaixador no sentido de ser o veiculo dinamizador para o processo de criação de relações de amizade, solidariedade e cooperação entre os parlamentos dos dois países, através da assinatura de um memorando e/ou protocolo de cooperação institucional.

Por seu turno, o Diplomata húngaro, depois de felicitar a PAR pela sua eleição, prometeu ser o veículo para o estabelecimento das relações de cooperação entre os dois países levando a pretensão da Presidente do Parlamento moçambicano ao homólogo húngaro.

Na ocasião, Maris informou a PAR que, ainda este Ano, o Ministro dos Negócios Estrangeiros do seu Pais vai visitar Moçambique e, durante a sua estadia serão rubricados acordos nas áreas de agricultura, educação, águas, bem como a energética.

A República de Moçambique estabeleceu, em Junho de 1975, as relações diplomáticas com a República da Hungria, tendo o acordo sobre a cooperação económica e técnico-científica sido rubricado em Junho de 1976.

Em Abril de 1979, os dois países assinaram o tratado de amizade e cooperação, um instrumento vital que visava a consolidação das relações de amizade, solidariedade e cooperação económica, política, cultural e técnico-científica.

A partir de 1993 a cooperação entre os dois países conheceu momentos de estagnação em virtude das mudanças politicas registadas na Europa do Leste, incluindo a República da Hungria. Todavia, as relações diplomáticas tem prosseguido, com normalidade, através da Embaixada da Hungria na República de Angola.

Os desafios actuais do relacionamento institucional entre as Repúblicas de Moçambique e da Hungria prendem-se com a necessidade de se identificar as áreas mutuamente vantajosas para o reatamento da cooperação bilateral.

A presença do diplomata húngaro em Moçambique, com residência fixa em Luanda, tem uma duração de quatro dias e visa estreitar as relações de amizade, solidariedade e cooperação que unem os povos dos dois países, bem como preparar a visita à Moçambique do Ministro dos Negócios Estrangeiros e Comércio da Hungria agendada para o primeiro trimestre de 2020.

Ainda na manhã desta terça-feira, a PAR recebeu o Provedor de Justiça, Isaque Shande, que vinha apresentar felicitações pela confiança depositada nela para dirigir os destinos da magna Casa do Povo e partilhar o estágio actual de implementação do programa da instituição que dirige.

(AIM)

PG/RM/JSA

Temos 392 visitantes e Nenhum membro online

Contacte-nos

Rua da Rádio - 112 - 5º Andar - Caixa Postal 896
+258 21313225/6
+258 21 313196